Foto: Anders Karlsson / Blinkfyrar AB

Recentemente, a cidade de Trollhättan, na Suécia, foi equipada com um sistema de gestão de estacionamento que pode ajudar residentes e visitantes a encontrarem rapidamente um lugar de estacionamento vago. O sistema mede a ocupação em seis parques de estacionamento e mostra o caminho para lugares de estacionamento vazios com 32 sinais digitais. O sistema é o resultado de uma colaboração entre a Cidade de Trollhättan e alguns parques de estacionamento privados. O principal fornecedor é a Blinkfyrar AB e a Infracontrol é responsável pelo sistema de controlo e monitorização.

 

 Daniel Mesa Moreno é o gestor do projeto no departamento de urbanismo da Cidade de Trollhättan, também responsável pela implementação do projeto:

– A nossa ambição com o sistema é que seja simples para os condutores encontrarem um lugar vago de estacionamento no centro de Trollhättan. Além de ser útil para estes, esperamos ter menos tráfego desnecessário, consequente da procura por estacionamento, e assim melhorar a acessibilidade e reduzir os danos ambientais.

 

 

Todas as funcionalidades de gestão estão disponíveis, tanto via web como por telemóvel. Isto aplica-se, em parte, à monitorização operacional que envia alarmes se algo não funcionar como deveria e, por outro lado, às funcionalidade de fixação de parâmetros, como a calibração do número de espaços ocupados num parque de estacionamento.

 

Uma solução comprovada e fiável

Cada vez mais municípios estão a introduzir sistemas de gestão de estacionamento para melhorar a disponibilidade e o ambiente, ajudando a manter um centro da cidade saudável.

Jonas Bratt, gestor de projetos da Infracontrol, diz que é uma solução bem comprovada que é usada em cerca de 15 cidades na Suécia e que o princípio básico é bastante simples:

– O sistema de gestão de estacionamento conta o número de carros de entrada e saída utilizando laços magnéticos ou outros sensores nos parques de estacionamento. A informação é recolhida pelo Infracontrol Online, que apresenta então o número de vagas nos sinais variáveis.

É importante que as informações apresentadas sejam fiáveis para que os condutores tenham confiança no sistema. Por isso, são colocadas elevadas exigências à fiabilidade operacional, que o Infracontrol Online acompanha com uma monitorização operacional eficaz que deteta quaisquer falhas para que possam ser resolvidas rapidamente.

Anders Karlsson na Blinkfyrar tem uma vasta experiência deste tipo de sistema e assume que o projeto em Trollhättan tem sido fácil de implementar:

– Tenho estado envolvido na entrega deste tipo de sistema juntamente com a Infracontrol, a muitas cidades; assim, temos uma colaboração bem estabelecida. A solução do sistema é flexível e pode ser expandida e adaptada conforme necessário.

As informações de estacionamento são facilmente acessíveis no Infracontrol Online e podem assim ser facilmente descarregadas e apresentadas noutros serviços e sistemas.

O Infracontrol Online recolhe informações de todos os tipos de sistemas de estacionamento e fornece uma visão geral completa de todo o sistema.

 

O mundo das IoT: Boas ideias sobre o desenvolvimento contínuo

Todas as boas ideias e sugestões dos utilizadores fazem parte importante do desenvolvimento do Infracontrol Online. Procuramos sempre ajudar os nossos clientes a identificar as suas necessidades reais, e encontrar soluções que colmatem esses problemas, de forma eficaz e segura.

Uma grande ideia que surgiu recentemente no que diz respeito à implementação de soluções iOT nos municípios atuais, é o uso de códigos QR a serem colocados em diferentes objetos, como mobiliário de rua, para criar rápida e facilmente ocorrências quando necessário e seja tomada uma ação imediatamente.

Há também municípios que planeiam apresentar o estado das ocorrências no mapa público, utilizando cores, uma funcionalidade recente agora disponível no serviço Infracontrol Online.

Á parte disto temos ainda municípios que se dizem prontos para lançar uma iniciativa IoT criando uma rede LoRaWAN. “Podemos ver muitas oportunidades na utilização de soluções IoT para medir temperaturas, qualidade da água, níveis de água subterrânea e dados de consumo, etc.”

 

Alguns bons conselhos para outros municípios

Fredrik Hellström, do município de Lidköping, partilhou alguns conselhos com outros municípios que também querem melhorar as suas operações diárias:

“Basear sempre os serviços nas necessidades das operações em causa e identificar os seus processos. Envolver os funcionários que utilizam o Infracontrol Online e deixá-los participar na criação dos métodos de trabalho que utilizarão no dia-a-dia. Os seus conhecimentos formam a base para um bom funcionamento do sistema.”

Permitir que sejam os próprios métodos de trabalho de uma operação a reger o desenvolvimento fornece uma base de trabalho sólida, em vez de ter um sistema ao qual os utilizadores são obrigados a adaptar-se.

Por último, Fredrik Hellström sublinha a importância de fazer do trabalho um esforço de equipa.

“Vale a pena ponderar cuidadosamente quais as pessoas que devem participar no projeto, tanto em termos estratégicos como em termos de conhecimento.”

 

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Post comment